Críton (o dever) - Platão

Críton (o dever) – Platão

Descrição do livro

Sobre os deveres cívicos. Sócrates, modelo de cidadão, renuncia salvar sua vida para permanecer fiel às leis de Atenas, às quais dá um sentido religioso, como expressão da vontade de Deus.
Críton, tenta convencer Sócrates, de quem é discípulo, a fugir da execução de sua sentença de morte. Sócrates discorda e reafirma que sente que deve seguir a razão, (por julgar isto o mais correto) mesmo que essa a leve a morte.
No texto de Críton, encontra-se um forte debate acerca da justiça, da doxa e episteme, por onde Sócrates defende a posição da razão frente ao discurso do povo (representado por Críton).

Livros Relacionados